O Hospital Abandonado.

user uploaded image

Charlie acabou de entrar para faculdade. Como é calouro iria passar pelo trote, que é tipo um ritual entre os adolescentes. Para escapar de meses de perseguição Charlie irá fazer um desafio orquestrado pelos seus colegas: terá que pegar uma máscara cirúrgica de um hospital assombrado da cidade. Qualquer um negaria, mas como o jovem quer causar uma boa impressão e ser acolhido entre os demais aceita o desafio.

Os jovens chegam no hospital em questão à noite, é claro, para causar mais medo. Entregam uma lanterna e algumas coordenadas em um papel para que Charlie não se perdesse. Segundo as anotações a máscara estaria no terceiro andar, onde eram feitas as cirurgias nos pacientes.

Charlie entra no prédio e começa a vasculhar com a lanterna os andares e corredores escuros, sua única companhia são alguns ratos e morcegos que voam em todas as direções. Como terá que chegar no terceiro andar acaba tendo que subir algumas escadas, e assim faz. Depois de algum tempo subindo os degraus que parecem durar uma eternidade finalmente chega ao terceiro andar.

user uploaded image

Lá há um cheiro forte de borracha queimada e carne podre impregnada no ambiente, o jovem ignora e sai explorando todas as salas à procura de onde ficam as máscaras. Depois de abrir algumas portas e vasculhar alguns armários velhos acaba chegando em uma sala em questão com o nome “acessórios cirúrgicos”, que é onde consegue pegar o seu troféu. Ao virar para sair tem uma surpresa: o clima muda, e o jovem já não se sente mais sozinho no lugar, algumas sombras começam a correr entre os corredores, e Charlie escuta alguns sons de gargalhadas e barulhos de choro se espalhando no ambiente.

Em meio àquela situação horripilante o jovem tenta sair correndo, quando estava próximo de chegar às escadas algo agarrou o seu pé, o fazendo cair ao chão. Ao ver o que tinha causado a sua queda sente uma onda enorme de medo apertando a sua alma, ao mesmo momento que observa uma mulher grotesca com a pele toda queimada tentando dizer algo ao jovem.

user uploaded image

Charlie grita e tenta se rastejar para fugir daquela coisa que ainda agarrava o seu pé, mas não consegue chegar muito longe, pois nota que havia várias figuras o cercando em todas as partes. Charlie se encolhe ao canto do corredor e começa a tremer, o jovem nota que são sombras de algumas pessoas; adultos, velhos, crianças. Todas com as suas peles queimadas, todas tentavam comunicar algo, ou melhor, dizer algo ao jovem que não aguentava ver aquilo.

Naquela cena, que mais se parecia com pesadelo real, o jovem acaba desmaiando… Depois de um certo tempo Charlie é acordado com um toque de um segurança em suas costas: um sujeito negro com não mais que 30 anos, dizendo que irá tirá-lo dali. Finalmente o pânico começa a sair da cabeça de Charlie e o seu coração aos poucos vai ficando menos agitado. O segurança em todo momento tenta puxar assunto com o garoto, que mal conseguia falar de tão assustado que ainda estava. Ao chegarem na porta do hospital o jovem vira para agradecer ao homem lhe tirou daquele lugar horrível, mas tem uma surpresa ao notar que estava sozinho. Ao sair tenta fala com seus amigos que parecem assustados com a demora de Charlie, ele pergunta se alguém viu o segurança o guiando para fora do hospital, mas todos afirmam que ele havia saído sozinho do hospital.

No dia seguinte Charlie tentou conseguir informações na vizinhança próxima do hospital sobre um possível vigia que trabalhasse no local, porém todos o desconheciam: segundo os mesmos, ninguém ousava pisar no hospital por causa das assombrações. Ainda curioso Charlie decide pesquisar na internet sobre a história do hospital. O jovem conseguiu as informações, que o deixaram ainda mais amedrontado sobre aquele hospital. Há algum tempo o hospital funcionava como um lugar para ser usado em caso de emergência, só tratava pacientes com tumores e doenças graves. Um incêndio se espalhou rapidamente no hospital, principalmente no andar onde ficava a maioria dos enfermos: 3ª andar. Muitos morreram por causa do fogo, porém, alguns escaparam graças a ajuda de um segurança que ali trabalhava, o mesmo salvou dezenas de pessoas, mas acabou morrendo ao tentar salvar as demais. Esse segurança era um homem negro e bondoso.

user uploaded image

Fonte: Esse texto foi retirado do Amino Under The Bed.

Autor: Sinistro, que criou na mente e escreveu esse texto, ele é Muito talentoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *